Lembra?

Lembra aquele dia que você escreveu que se perdeu e não sabia mais o que queria?
Lembra aquele dia que você chorou e tomou remédio para dormir porque tudo doía?
Lembra aquele dia que você sentiu o peso do vazio e a presença do nada?
Lembra aquele dia que você quase desistiu e pulou da murada?

Não faz isso, não se perde
Não chora, não esquece
Não desiste, não pula
Eu tô aqui, todos os dias, a qualquer custo.

Anúncios